quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Sem forças

Esta semana para mim tem sido horrível, a verdade é que não tenho andado nada bem. Parece que tudo e todos se uniram para me mandar a baixo, nada me tem corrido bem.
Aqui em casa não há dia em que não discuta, ainda por cima por motivos insignificantes onde as palavras os conseguem tornar fortes. Recentemente arranjei coragem para enfrentar o meu pai e, como seria de esperar, correu mal. E, o pior de tudo, é que parece que vou mesmo ficar sem a Lucky. A minha mãe não me deixa ajudar, nem sequer tentar. Só sei que não me podem tirar a minha menina. Sinceramente esperava que este mês me trouxesse uma vida nova, mas estou a ver que vai ser exatamente o contrario. Acho que isto tudo não passa de um grande absurdo, estão todos a querer cortar-me as pernas e eu, eu não tenho forças para mais nada.


terça-feira, 29 de setembro de 2015

Bem vindo, outono

Já sei venho tarde, mas ele também! Quando dou por mim estou a derreter ao sol, mas calma: O verão já não tinha acabado? As estações andam todas trocadas!

 Que venham as tardes passadas a ver filmes por baixo de uma manta quente, que o chá se torne novamente no companheiro de mesa cabeceira, que o guarda-chuvas comece a sair de casa e, que a roupa quente volte a ser usada. Já estou pronta, que as folhas comecem a cair!

Queria também aproveitar para dizer que ontem dei o verdadeiro "início às aulas", comecei a assistir a português do décimo segundo ano para ver se faço melhoria de nota no exame nacional. Balanço? Foi super estranho estar num meio desconhecido. Escola nova, pessoas novas,... Se não fosse a D', não sei o que seria de mim! E por falar nisso, hoje há mais uma aula. Mas antes ainda vou almoçar com o D' para tentar abstrair-me um bocadinho. E vocês? Que planos é que têm para hoje?


ps: Conseguiram ver a SuperLua? Ontem como estava em baixo não a cheguei a ver, ainda ponderei sair da cama mas não consegui. Para quem também não conseguiu, ainda há mais uma este ano, dia 29 de outubro.


segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Há dias assim


Quando as coisas estão difíceis vem a vida e torna-as ainda pior. Será possível? A minha vida acabou de dar uma volta de tal maneira em apenas um dia. Já não sei o que fazer, já não sei para onde me virar.
É incrível como um simples telefonema me pode destruir por completo. Tenho imenso medo do que por aí vem, admito.

ps: Não se esqueçam, hoje é dia de SuperLua!

domingo, 27 de setembro de 2015

Letter To MySelf

Como a minha vida tem andado com alguns altos e baixos em relação ao rumo do meu futuro, decidi participar num desafio feito pela Janine do blog "Laços que Perduram". E, pelo mesmo motivo anterior, decidi alterar a data de leitura desta carta. Em vez de dez anos, optei por apenas um ano. Creio que entendem o porquê, daqui a um ano já saberei como e onde estou colocada.




Sexta, 25 de setembro de 2015

Se bem te lembras, por volta desta altura andavas desesperada por saber o que fazer com a tua vida, com os teus estudos principalmente. Nunca foste uma aluna brilhante, mas espero que neste momento estejas como querias estar à um ano atrás: Feliz por entrar na faculdade. 

Espero que tenhas aproveitado bem este ano para conseguir o teu primeiro emprego, fazer o curso de unhas que tanto querias, para subir mais um nível no querido inglês e, para riscar alguns desejos da wish list!
Como é que acabaste o secundário? Foi a partir do exame de sociologia? Se sim, espero que não tenha custado muito e que tenha servido para aumentar a média! Chegaste a arriscar na viagem de finalistas?
Foi difícil decidir a licenciatura certa? Como é que foram as praxes? Espero que te tenham tratado bem! E as colegas? Achas que te vais dar aí bem? Ah, agora já sabes! Não podes voltar a cair no mesmo erro, aplica-te cedo.

Espero ainda que continues feliz ao lado do D' tal como estavas à um ano atrás e, que por esta altura tenham os dois a carta de condução na mão. Foi assim tão difícil como receavas que fosse?

Quanto à relação com o pai, espero que esteja muito muito melhor do que agora. E a mãe? Continua feliz com o Cherry? Sobreviveram os dois às traquinices da Lucky? Espero que sim, deve estar grandinha. Tal como a Nana!
Quanto à avó e ao avô espero que estejam bem, devem continuar a tomar conta do puto reguila não é?
E o tio? Será que já ganhou juízo arranjou uma namorada a sério?

Espero que andes a tomar bem conta do Refúgio, afinal era aqui o teu cantinho.

Se bem me conheço, sei que devo andar super ansiosa por esta altura. Lembra-te que nunca estarás sozinha, haverá sempre alguém que goste de ti e que te acompanhe nos piores momentos. Mais tarde ou mais cedo saberás quem são essas pessoas aliás, já tiveste boas provas disso. Não há tempo para medos enfrenta-os de cabeça erguida!


De mim para mim,

Simple Girl


sábado, 26 de setembro de 2015

Hoje é...

...dia de festa, e a triplicar!
  • O Refúgio faz nove meses.
  • A Nana faz sete meses.
  • Eu e o D' fazemos três anos e três meses.


Só vos tenho é a agradecer por cada palavra amiga que me têm dado ao longo deste tempo, obrigada de coração!



sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Faculdade ou Secundário?

Sinto-me cada vez mais perdida, sinceramente não sei o que fazer com o meu futuro. Mas bom, deixem-me explicar, recentemente uma amiga minha foi falar com a psicóloga da escola e ela falou-lhe de alternativas para terminar o décimo segundo ano. Ora bem, trata-se de Cursos Técnicos Superiores Profissionais, isto é, cursos que podemos fazer na faculdade que nos dão equivalência ao décimo segundo e ainda nos preparam melhor para o mercado de trabalho. Pois bem, como isto se enquadra no meu perfil decidi ir falar com a tal psicóloga. Se querem que vos diga não sei se saí de lá mais esclarecida ou pior. Mas que ajudou, ajudou. Por um lado era melhor para mim porque em vez de ficar um ano a terminar uma disciplina, repetir exames para fazer melhorias e, no final, poder ou não entrar numa faculdade poderia fazer um destes cursos onde para além de terminar o secundário e ainda obter formação ficava automaticamente dentro da faculdade, ou seja não tinha que ter mais preocupações com a média e as candidaturas para entrar. 
Pois bem, assim que cheguei a casa fui fazer a pesquisa e encontrei dois cursos que provavelmente me iria interessar. Mas, para além deste curso, tinha também de decidir já em que licenciatura iria querer entrar visto que ao entrar no curso fico automaticamente lá dentro.
O problema é que na minha zona só existem estes cursos em faculdades privadas e têm a duração de dois anos. Ou seja, tinha de arriscar ainda mais um ano. 
Agora só me resta tentar obter mais informações ao ligar para cada universidade. Não sei o que fazer, into-me tão desorientada com isto tudo.


quinta-feira, 24 de setembro de 2015

A estadia chegou ao fim

Após dois resgates intensivos à procura do Simba pela casa inteira, de uma tentativa suicida à janela, de vasos das plantas virados do avesso e de uma investigação pormenorizada entre os armários da cozinha onde duas chávenas quase perderam a vida, o gato do D' lá terminou a sua estadia aqui em casa.
Foram poucos dias - e ainda bem, porque é sinal que o D' saiu rápido do hospital - mas, apesar de ter estes sustos acompanhados de alguns arranhões, foi bom tê-lo por cá. Quem me segue já à algum tempo sabe que sou apaixonada por animais e, embora os gatos não sejam a minha praia, não consigo deixar de gostar deles. Este então é um amor, não chateia nada. E, como não podia deixar de ser, a minha avó foi quem mais gostou de o ter cá em casa, sorte o meu avô ainda estar na terra se não a festa era outra (risos).



Mais de 1000 razões para ser feliz #2


Mimar-me num dia de compras.



quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Sunshine Blogging Award


Para hoje preparei um prémio que recebi da Janine, do blog Laços Que Perduram a quem eu aproveito já para agradecer pela nomeação. 

Regras:
  • Agradecer à/ao blogger que te nomeou e mandar-lhe o link da tua resposta;
  • Listar as regras e exibir o logótipo no blogue (imagem acima);
  • Responder às perguntas;
  • Nomear outros blogues e notificá-los da nomeação;
  • Criar perguntas para os blogues nomeados responderem.

As perguntas da Janine:
  1. Pontos positivos e negativos da blogosfera.
    Bem, no que diz respeito aos pontos positivos, há imensos. A blogosfera é um mundo totalmente diferente dos outros todos com que lidamos. Aqui podemos desabafar à vontade, aprender imenso uns com os outros, encontramos pessoas que a qualquer momento estão prontas para nos ajudar sem pedir nada em troca. Enfim, estar bem no nosso cantinho é do melhor que há. Agora, quanto aos pontos negativos, talvez a publicidade.
  2. Qual a pessoa (ou as pessoas) que contribuiu para aquilo que tu és hoje?
    A minha avó, sem qualquer tipo de dúvidas. Tudo o que sou hoje devo-lhe a ela.
  3. Quais os temas que mais te chamam a atenção em serem falados num blog?
    Gosto de temas que me façam aprender algo, nem que seja apenas curiosidades ou até um video ou uma imagem encontrada à deriva. Algo que me chame à atenção e que me faça pensar sobre isso. Mas também gosto de temas sobre o dia-à-dia.
  4. E os que menos te chamam a atenção? (em relação à pergunta anterior)
    Talvez sobre maquilhagem, roupa ou outro tipo de produtos deste género.
  5. Acreditas no destino e que tudo acontece por alguma razão?
    Sim, quer dizer não. É uma pergunta difícil. Acho que uma coisa leva à outra. Se aconteceu era porque estava destinado a ser assim e não de outra forma. Por alguma razão as coisas acontecem de determinadas formas.
  6. Qual a tua estação do ano favorita e porquê?
    O verão, porque é quando me divirto mais. Posso aproveitar o sol para passear, as roupas são mais práticas, o cabelo fica mais bonito, as ruas ficam mais alegres.

Os meus nomeados: 
Catarina, Apenas a Lua
Biaa e Rose Mary, Sunflowers
Andreia Morais, As gavetas da minha casa encantada



As minhas perguntas:
  1. O que te fez entrar na blogosfera?
  2. O que te marcou mais, a nível positivo e negativo, desde que estás na blogosfera?
  3. Qual é o significado por detrás do nome do teu blog?
  4. Como imaginas o teu futuro?
  5. O que te motiva todos os dias?
  6. Qual dos problemas da sociedade atual é que te preocupa mais?

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Só coisas boas


O D' saiu ontem do hospital, escusado será dizer que estou mais que feliz. Saiu-me um peso enorme de cima. Agora tenho-me ocupado a matar saudades, que bom que é poder estar com ele outra vez.
E quanto às cartas, ele gostou e cumpriu com o que lhe exigi. Mas aqui para nós, deixei-lhe uma carta a dizer "Abre esta carta quando estiveres feliz." e não é que quando nos encontramos ele me aparece com a carta fechada e diz: "Ainda não abri esta, só sou feliz quando estou contigo".

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Quando é que posso respirar?

Tal como sabem não tenho tido muito tempo para vir ao Refúgio, a minha vida nos últimos tempos não me tem deixado parar para respirar um segundo que seja. Ando sempre de um lado para o outro a tentar resolver tudo da melhor forma possível. Seja pela Lucky, pela ajuda com o meu primo terrorista, pelas aulas de condução que comecei na quarta feira passada ou até mesmo pela notícia que vos dei ontem. Como vos disse, fui visitar o D' ao hospital. Cheguei cerca de uma hora antes para me poder inscrever para a visita. A espera não foi nada fácil, cada vez que o relógio estava mais perto das dezanove horas o meu coração disparava. Sou por natureza ansiosa e então quando toca a momentos importantes nem sei como me acalmar.
Contudo, assim que cheguei e encontrei o D', o meu estado acalmou-se. Fiquei tão tranquila durante a hora em que lá estive. Ele estava tão bem, deixou-me muito mais descansada. Mas não é que os médicos já lhe queriam dar alta? Quando foram ver os exames que ele tinha feito foram ver o pulmão esquerdo. Aquele que foi operado no ano passado. Aquele que está sem problemas. Quando o D', em conversa, se desbocou é que os médicos perceberam que era o direito que estava mal. Será possível? Lá se foi a alta.
Consegui deixar-lhe um livro para ler, não era aquele que eu queria mas era o único que tinha comigo: o que ando a ler neste momento. Mas como eu não sou de ficar por aí, preparei-lhe uma surpresa. Dentro do livro deixei cerca de quinze cartas, a típica brincadeira do "Abre esta carta quando...". Adorava ter assistido a cada carta que ele abrisse. Será que respeitou as regras? Estou ansiosa por saber o que ele achou. Aliás, estou ansiosa por o ver novamente. 
Agora não sei quando é que lá volto, não quis estar já a pedir novamente ao pai dele para voltar. Afinal, tinha acabado de sair de lá e existem mais pessoas que o querem ver para além de mim. Espero voltar brevemente, sempre que der eu estarei lá. Disso não haja dúvidas. Agora resta-me o Simba, fiquei a tomar conta do gatinho dele.

Tenho que deixar aqui um grande Obrigada a todas vocês, obrigada por todo o carinho que me têm deixado aqui. Obrigada por cada palavra de animo e conforto que me dão. Vocês são demais, a sério!
Boa semana e, para quem vai regressar às aulas, espero que tenham um excelente ano letivo.

domingo, 20 de setembro de 2015

Fica bem, por favor.

Faz hoje oito dias em que tive uma das melhores experiências da minha vida: o Happy Holi. A sério, é do melhor que há, diverti-me imenso e claro cheguei a casa toda suja. Escolhi despedir-me assim das férias de verão com o D' e com uma amiga minha. E saímos todos de lá com uma vontade enorme de regressar.

Mas hoje, olho para trás e penso em como é que é possível num dia estarmos tão bem e no outro o mundo desaba do nada. Na sexta feira passada o D' sentiu-se mal, estava cheio de dores no peito e teve de ir ao hospital. Da última vez que isto aconteceu foi operado e ainda esteve internado duas semanas. Como devem calcular o mundo caiu-me aos pés quando acordei e vejo uma mensagem dele a avisar-me para onde estava a ir. Contudo, e depois de vários exames, os médicos perceberam que desta vez o problema não era tão grave. A complicação era a mesma: Pneumotórax, mas desta vez do lado direito. Mas mais leve, digamos assim. Dizem que desta vez não deve ser preciso ser operado, umas doses de oxigénio e talvez o problema fique resolvido mas, mesmo assim, teve de ficar eternado para observação. O que mais me preocupa é não conseguir falar com ele, da última vez ele podia ter o telemóvel mas agora não visto que está no S.O (Sala de Observações). Tudo se irá resolver, sei que sim, espero que sim! Logo ainda vou vê-lo ao hospital, pode ser que me acalme o coração ou que ainda venha mais despedaçado. Nunca podemos dizer que temos algo como certo, de um momento para o outro a vida prega-nos uma partida, e eu que o diga...

terça-feira, 15 de setembro de 2015

O que virá deste ano?


Amanhã começa um novo ano letivo, uma nova etapa para mim embora eu não participe nela. Custa-me imenso dizer isto, não me imagino sem a rotina da escola. Sem te ver a cada intervalo que passe, sem te abraçar de uma em uma hora. Não aguento pensar no futuro que ai vem, cada vez que  penso nisso as lágrimas falam por si. Não suporto imaginar-te naquela escola sem mim, vais conhecer pessoas novas, raparigas novas, e se alguma te leva para longe de mim? O que será de nós? Só me resta esperar que tudo dê certo, que nada mude entre nós. Por favor, que corra bem.
Boa sorte para quem vai regressar às aulas, espero que tenham o ano letivo da vossa vida. Façam por isso!

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Minhas queridas férias



É desta que as férias terminaram, mas vamos de bagagem cheia de memórias boas para casa. Confesso que vou ter saudades mas tudo o que é bom acaba depressa não é verdade?
E por falar em coisas boas, estou cheia de saudades dos vossos cantinhos, há tanto por contar. Só espero ter tempo.
Tenham uma ótima sexta feira! 

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Faculdade



Não podia estar mais triste comigo própria, agora que acabam as férias e vejo os meus colegas praticamente todos a celebrar por entrar na faculdade e eu não. Não digo isto por eles mas sim por mim, este seria o suposto ano em que ia entrar na faculdade e isso não aconteceu. Não posso culpar ninguém, se as coisas terminaram assim foi graças a mim. Custa-me imenso desiludir os meus, mas custa-me ainda mais desiludir-me a mim própria. Só espero conseguir para o ano, até lá vamos ver o que me espera.

E vocês meninas? Alguém se candidatou este ano? Se sim, espero que tenham conseguido o que mais desejavam.

sábado, 5 de setembro de 2015

De viagem até Viseu



Após uma semana lá estou eu de volta a Viseu. Desta vez vai ser melhor, eu sei que sim. Esperemos que sim.

sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Parabéns à Rainha da casa


Hoje é o teu dia, mais um ano passou e que bom que é pode los viver ao teu lado. Obrigada por tudo o que fizeste por mim ao longo dos anos, por cuidares de mim, por me apoiares e, principalmente, por me perceberes. Obrigada por seres  a Mulher quem és.
Parabéns avó, que venham muitos mais.

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Regresso


Pois é, já voltei. A viajem correu bem embora tivesse sido cansativa.
A Lucky fez-me uma festa assim que me viu, foi tão bom voltar a estar com ela. Nestas três semana já lhe notei tantas diferenças, está a ficar grandinha.
Hoje venho aqui a correr, mas espero que amanhã tenha mais tempo.